quarta-feira, 26 de setembro de 2018

Administradora de grupo anti-Bolsonaro é agredida a coronhadas e soco por homens

Uma das administradoras do movimento #MulheresContraBolsonaro foi agredida a coronhadas e soco por três homens na noite dessa segunda-feira, 24, no Rio de Janeiro. Maria Tuca Santiago, que é liada ao Psol e coordenadora de campanha de candidato psolista a deputado no estado, foi atendida ainda na noite desta segunda, 24, em hospital na Ilha do Governador. A Polícia investiga a motivação do crime. O diretório nacional do Psol divulgou nota de repúdio ao ataque sofrido por Maria - que não teve o sobrenome divulgado por motivo de segurança. Segundo fontes do partido no Rio de Janeiro, os três homens que agrediram Maria estavam armados com revólver num táxi. A vítima ainda teve o celular roubado. "A Executiva Nacional do PSOL repudia essa agressão covarde e exige das autoridades apuração e punição imediata contra os autores desse ato. Nos colocamos ao lado dos que defendem uma eleição livre de agressões e violência. Temos certeza de que as mulheres não se intimidarão com mais agressão e farão do dia 29 um marco histórico contra o machismo e a intolerância", diz a nota do partido. 
Fonte: O Povo 
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Redes Sociais

. Twitter Google Plus Email Twitter Facebook Instagram RSS Feed Email

Rádio Patativa FM 105,9

Curta Nossa Página no Facebook

Burger KING

Samuel Rulin

Metal Serra Construtora

Odonto Clinica

Frigorifico T & B

Dr: Marcelo Leite Fernandes

Karirí da Sorte Cap

Casa dos Aposentados

Madral Madeira e Material de Construções

Laboratório Oswaldo Cruz

Dr. Wagner Maia Crm-Ce

Loja Barateira

Rejuntamix 100% de Qualidade

Seguro Previdência Créditos

Caixa Aqui Data Contábel

LPC NET

As Mais Lidas

Total de visualizações do Site

Arquivos do Site