quarta-feira, 10 de outubro de 2018

Médica que rasgou receita após paciente dizer que votou em Haddad é afastada

A médica infectologista Tereza Dantas foi afastada das atividades no Hospital Estadual Giselda Trigueiro, em Natal, após rasgar a receita médica de um paciente de 72 anos que armou que votou em Fernando Haddad para a presidência da República. Em entrevista ao G1 a médica disse estar arrependida. Em nota, a Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) informou que vai abrir uma sindicância para apurar o caso e tomar as medidas cabíveis. "A direção do Hospital Giselda Trigueiro esclarece que esta não é uma conduta adotada pelo hospital, nem muito menos de orientação da Sesap. A profissional cará temporariamente afastada das atividades", diz a nota. Em entrevista, a médica declarou que se arrependeu da atitude antes da repercussão do caso, ainda na segunda, e tentou falar com o paciente, mas ele não a atendeu. "Eu pedi perdão a Deus e pedi que ele me ajudasse a tirar de mim essa mágoa. Eu nunca gostei de extremismos e estava me transformando em algo que não gosto. Não deveria ter feito isso, eu sei. Agi por impulso e, por isso, peço desculpas", disse a profissional. O caso O aposentado José Alves de Menezes contou que a situação aconteceu na última segunda-feira (8), por volta das 7h30, quando ele foi à unidade de saúde para pegar a receita de remédio que toma diariamente. José disse que a médica o viu na unidade e pediu que ele esperasse, dizendo que já sabia o que ele queria. Após chegar até ele com a receita em mãos, perguntou em quem ele havia votado para presidente. "Eu disse que votei no Haddad, ai ela disse: ´pois então não dou mais a receita´, e rasgou. Duas ou três pessoas também viram. Respondi na inocência. Nem sabia quem era o candidato dela", disse o aposentado. "Me senti ofendido. Passei vergonha na frente de todo mundo. No início, achei que era brincadeira e até ri", acrescentou. Após o fato, o paciente registrou queixa na ouvidoria da unidade e fez um boletim de ocorrência na Polícia Civil. O caso foi encaminhado para a Delegacia do Idoso. 
 Fonte: G1 RN  
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Redes Sociais

. Twitter Google Plus Email Twitter Facebook Instagram email Email

Rádio Patativa FM 105,9

Curta Nossa Página no Facebook

VMC CAR

Max Gel

Afagu

Ópcas Afagu

Burger KING

Samuel Rulin

Metal Serra Construtora

Odonto Clinica

Karirí da Sorte Cap

Casa dos Aposentados

Madral Madeira e Material de Construções

Laboratório Oswaldo Cruz

Dr. Wagner Maia Crm-Ce

Loja Barateira

Rejuntamix 100% de Qualidade

Seguro Previdência Créditos

Caixa Aqui Data Contábel

LPC NET

Total de visualizações do Site

Arquivos do Site