domingo, 18 de novembro de 2018

Mulher teria pedido separação Suspeito de provocar acidente de carro que matou esposa é preso no Recife

Um homem foi preso neste sábado (17), no Recife, suspeito de provocar um acidente de trânsito que resultou na morte de sua própria esposa, no dia 4 de novembro. De acordo com a Polícia Civil, Guilherme José de Lira Santos, de 47 anos, bateu o carro em que o casal estava numa árvore. A Justiça expediu na sexta-feira (16) o mandado de prisão preventiva para a prisão do representante de medicamentos Guilherme José, que foi preso na casa onde morava com a esposa, em Apipucos, na Zona Norte do Recife. A família da vítima denunciou à polícia a hipótese de a colisão ter sido intencional, pois ela teria pedido separação. O carro pertencia à empresa em que o homem trabalha.
Patrícia Cristina Araújo Santos, de 46 anos, estava sem cinto de segurança no momento do acidente, segundo a Polícia Civil. O caso ocorreu durante a noite, na Rua Fernandes Vieira, no bairro de Boa Vista, no Centro do Recife. O carro estava em alta velocidade e, após a colisão, Guilherme teve ferimentos leves e foi socorrido a um hospital particular. O suspeito foi levado ao Delegacia de Homicídios do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil. Ele é investigado pelo crime de feminicídio. De acordo com o delegado Diego Acioli, responsável pela investigação, o homem disse, inicialmente, que havia perdido o controle do carro ao passar por um meio-o. Posteriormente, mudou seu depoimento e armou que discutia com a mulher e girou o volante acidentalmente ao olhar para ela. "Ele disse que passou por cima de um meio-o, mas conseguimos uma imagem que mostra toda a trajetória do carro e, em nenhum momento, essa passagem é registrada. Várias testemunhas narram que ele vinha perseguindo e ameaçando a vítima", explicou o delegado. A Polícia Civil solicitou a realização de cinco perícias, sendo uma no carro, outra no local do acidente, duas nos celulares do suspeito e da vítima e a quinta nas imagens que registraram o caso. Ainda segundo Diego Acioli, a desconfiança sobre se a colisão havia sido, de fato, um acidente, veio de testemunhas ligadas ao casal. "No dia seguinte surgiram rumores de que eles tinham vários problemas conjugais, que ele era muito possessivo e não aceitava o m do relacionamento e que algumas pessoas desconfiavam que não havia sido um simples acidente de trânsito, mas que ele tinha a intenção de causar a pancada para matá-la", arma. Entenda o caso Segundo o Corpo de Bombeiros, o acidente ocorreu por volta das 20h30, nas proximidades do Hospital de Fraturas. A hipótese inicial era de que o motorista teria perdido o controle do veículo, colidindo com a árvore. Na ocasião, Guilherme José foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Ele estava consciente e não apresentava ferimentos graves.
 Fonte: G1 PE
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Redes Sociais

. Twitter Google Plus Email Twitter Facebook Instagram email Email

Rádio Patativa FM 105,9

Curta Nossa Página no Facebook

VMC CAR

Max Gel

Afagu

Ópcas Afagu

Burger KING

Samuel Rulin

Metal Serra Construtora

Odonto Clinica

Karirí da Sorte Cap

Casa dos Aposentados

Madral Madeira e Material de Construções

Laboratório Oswaldo Cruz

Dr. Wagner Maia Crm-Ce

Loja Barateira

Rejuntamix 100% de Qualidade

Seguro Previdência Créditos

Caixa Aqui Data Contábel

LPC NET

Total de visualizações do Site

Arquivos do Site