domingo, 18 de novembro de 2018

Mulher teria pedido separação Suspeito de provocar acidente de carro que matou esposa é preso no Recife

Um homem foi preso neste sábado (17), no Recife, suspeito de provocar um acidente de trânsito que resultou na morte de sua própria esposa, no dia 4 de novembro. De acordo com a Polícia Civil, Guilherme José de Lira Santos, de 47 anos, bateu o carro em que o casal estava numa árvore. A Justiça expediu na sexta-feira (16) o mandado de prisão preventiva para a prisão do representante de medicamentos Guilherme José, que foi preso na casa onde morava com a esposa, em Apipucos, na Zona Norte do Recife. A família da vítima denunciou à polícia a hipótese de a colisão ter sido intencional, pois ela teria pedido separação. O carro pertencia à empresa em que o homem trabalha.
Patrícia Cristina Araújo Santos, de 46 anos, estava sem cinto de segurança no momento do acidente, segundo a Polícia Civil. O caso ocorreu durante a noite, na Rua Fernandes Vieira, no bairro de Boa Vista, no Centro do Recife. O carro estava em alta velocidade e, após a colisão, Guilherme teve ferimentos leves e foi socorrido a um hospital particular. O suspeito foi levado ao Delegacia de Homicídios do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil. Ele é investigado pelo crime de feminicídio. De acordo com o delegado Diego Acioli, responsável pela investigação, o homem disse, inicialmente, que havia perdido o controle do carro ao passar por um meio-o. Posteriormente, mudou seu depoimento e armou que discutia com a mulher e girou o volante acidentalmente ao olhar para ela. "Ele disse que passou por cima de um meio-o, mas conseguimos uma imagem que mostra toda a trajetória do carro e, em nenhum momento, essa passagem é registrada. Várias testemunhas narram que ele vinha perseguindo e ameaçando a vítima", explicou o delegado. A Polícia Civil solicitou a realização de cinco perícias, sendo uma no carro, outra no local do acidente, duas nos celulares do suspeito e da vítima e a quinta nas imagens que registraram o caso. Ainda segundo Diego Acioli, a desconfiança sobre se a colisão havia sido, de fato, um acidente, veio de testemunhas ligadas ao casal. "No dia seguinte surgiram rumores de que eles tinham vários problemas conjugais, que ele era muito possessivo e não aceitava o m do relacionamento e que algumas pessoas desconfiavam que não havia sido um simples acidente de trânsito, mas que ele tinha a intenção de causar a pancada para matá-la", arma. Entenda o caso Segundo o Corpo de Bombeiros, o acidente ocorreu por volta das 20h30, nas proximidades do Hospital de Fraturas. A hipótese inicial era de que o motorista teria perdido o controle do veículo, colidindo com a árvore. Na ocasião, Guilherme José foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Ele estava consciente e não apresentava ferimentos graves.
 Fonte: G1 PE
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Redes Sociais

. Twitter Google Plus Email Twitter Facebook Instagram RSS Feed Email

Rádio Patativa FM 105,9

Curta Nossa Página no Facebook

Metal Serra Construtora

Frigorifico T & B

Odonto Clinica

Dr: Marcelo Leite Fernandes

Karirí da Sorte Cap

Casa dos Aposentados

Madral Madeira e Material de Construções

Laboratório Oswaldo Cruz

Dr. Wagner Maia Crm-Ce

Iohara Ótica, Jóias e Relógios

Loja Barateira

Rejuntamix 100% de Qualidade

Seguro Previdência Créditos

Caixa Aqui Data Contábel

LPC NET

As Mais Lidas

Total de visualizações do Site

Arquivos do Site