segunda-feira, 21 de janeiro de 2019

Caso Queiroz gera desgaste ao governo Bolsonaro

Com novas informações a cada dia, o caso envolvendo movimentações financeiras atípicas do deputado estadual e senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) e seu ex-assessor Fabrício Queiroz se aprofundou no fim de semana e já se tornou principal "fantasma" a rondar os 20 primeiros dias do governo Jair Bolsonaro (PSL).

O caso tomou ares mais graves na manhã de ontem, após o jornal O Globo revelar que movimentações suspeitas em contas de Queiroz teriam envolvido mais de R$ 7 milhões em apenas três anos. Até agora, permanece expectativa em torno de uma manifestação do presidente, que embarcou ontem para o Fórum Econômico Mundial de Davos sem comentar o caso.

entrevista logo após assumir o Planalto, o vice-presidente da República, Hamilton Mourão (PRTB), afirmou ontem que cabe ao filho de Jair Bolsonaro dar as explicações devidas para o caso. "O presidente não está tendo de se defender. Quem tem de se defender, se explicar, é o Flávio", disse Mourão. "Esse não é um caso do governo, é um caso da Justiça sobre um senador eleito, que tem o sobrenome Bolsonaro", conclui o vice.
O vice-presidente não quis responder se não era o caso de o presidente Bolsonaro "jogar os filhos aos leões" como defendem alguns assessores, para evitar contaminação do seu governo por essas denúncias. Mourão citou que quando apareceu o primeiro caso, envolvendo o Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio, Jair Bolsonaro já disse que este era "um problema do Flávio e não dele".
Reconheceu, no entanto, que o assunto possa "até preocupar o presidente, porque é o caso com um filho dele", mas insistiu que este "não é problema do governo". No Planalto, há um grande incômodo com a repercussão do caso. 
Pessoas próximas ao presidente avaliam que o governo pode ser contaminado, mesmo que o discurso oficial do vice-presidente e de todos os integrantes do primeiro escalão diga o contrário.
Assessores ouvidos pela reportagem reconhecem que não só entre os militares, mas também entre civis, particularmente os ligados ao ministro da Justiça, Sergio Moro, o desconforto é grande. Parte desse grupo avalia que essas críticas e denúncias "têm algum reflexo e que dá margem a especulações políticas", avaliam.
Para contra-atacar a agenda negativa imposta pela repercussão das denúncias, uma ala do governo trabalha em duas frentes. Uma de tentar ao máximo dissociar o governo dos problemas "pessoais do filho do presidente". 
Em outra, manter a agenda positiva dos dois pilhares mais importantes do governo até aqui: o ministro da Economia Paulo Guedes e Sergio Moro, ministro da Justiça e Segurança Pública. O objetivo é usar ações das duas pastas para "tentar virar o disco" e impor uma nova agenda pública de discussão. Eles acreditam que medidas reais em benefício da população poderiam ajudar a tornar o caso Queiroz menor.
Há uma avaliação dentro do governo que é necessário evitar gastar capital político com o caso para não perder poder de fogo nas primeiras votações importantes no Congresso, como a reforma da Previdência.
Nas redes sociais, o bom desempenho do grupo de apoio a Jair Bolsonaro não vem se mantendo após o caso Queiroz, que colocou os apoiadores do presidente na internet na defensiva. Dentre as dez postagens que citam Flávio Bolsonaro com maior engajamento no Facebook nos últimos três dias, seis são de veículos de comunicação repercutindo novas denúncias contra Flávio Bolsonaro e duas são de sátiras críticas à família. 
Fonte: O povo

Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Redes Sociais

. Twitter Google Plus Email Twitter Facebook Instagram email Email

Rádio Patativa FM 105,9

Curta Nossa Página no Facebook

Gonverno do Estado

Clik na imágem acima e confira ou se preferir clik AQUI

Vivo Pré

Dados para realizar o controle

Nome completo:

CPF:

Data de Nascimento:

Nome da mãe:

Cep:

Nome da rua:

Número:

Bairro:

Telefone para aceite de voz:

Email para ganhar 500MB:

Sessão Mesa Posta


Dia das Mães é na Distribuidora Roque. Lá você tem vários motivos para presentear a melhor mãe de todas.

Confira as ofertas:

*Conjunto de xícaras Expresso 12 peças R$19,99

*Conjunto de Jarra com copos 5 peças R$23,99

*Prato de vidro para Bolo R$19,99

*Porta retrato com o nome mãe R$14,99

*Boleira redonda MB R$6,99

E muito mais!!!

A seleção dos melhores presentes para o dia das mães você encontra na Distribuidora Roque.

E para você não deixar de comprar o presente da sua mãe, atenderemos em horário especial no mês de maio. Sábados até as 16h.

Encosta da Serra

Arena I9 Assaré-CE

Inove Eventos

Produtos Nativus

Distribuidora Roque

Afagu

Ópcas Afagu

Burger KING

Samuel Rulin

Odonto Clinica

Karirí da Sorte Cap

Madral Madeira e Material de Construções

Dr. Wagner Maia Crm-Ce

Loja Barateira

Rejuntamix 100% de Qualidade

Seguro Previdência Créditos

Caixa Aqui Data Contábel

LPC NET

Total de visualizações do Site

Arquivos do Site