sábado, 30 de março de 2019

Paciente de suspeito de erro médico no CE morre após cirurgia


Danilo Rocha Dias, famoso cirurgião plástico de Fortaleza, está novamente envolvido em um suposto caso de erro médico, que levou à morte uma mulher de 45 anos, em São Paulo. Sandra Mara Trovino da Cunha contratou o profissional para uma abdominoplastia, realizada no último dia 9 de março. A paciente morreu no mesmo dia, ainda na mesa de cirurgia, segundo informou ao Sistema Verdes Mares seu filho, o estudante Welliton Trovino, 24.
A causa da morte, segundo um laudo preliminar, seria embolia pulmonar. Mas o estudante afirma que ainda aguarda uma versão mais detalhada para essa confirmação. A família reúne provas para entrar com um processo criminal contra o médico. "A única coisa que ele nos disse foi que fez de tudo para reanimar ela, trazê-la de volta, mas que não sabia o que tinha acontecido", disse Welliton Trovino. 
O filho de Sandra afirma que sua mãe manteve contato com o médico por dois meses antes de fechar o procedimento, contratado pelas condições facilitadas de pagamento. "Tem sido muito difícil para a nossa família porque a gente acha que isso poderia ter sido evitado, que ela poderia ter feito uma pesquisa melhor. Mas ela estava muito feliz com a cirurgia", comenta.
Histórico de processos
Processos de natureza criminal, cível e administrativa já recaem sobre o médico cearense, investigado por outros supostos erros médicos no Estado. Os procedimentos resultaram em duas pacientes com sequelas e uma terceira morta. O caso de maior repercussão aconteceu em 2018, envolvendo a youtuber cearense Camilla Uckers. A jovem teve infecção generalizada semanas após passar pelos procedimentos de rinoplastia, lipoaspiração na barriga, costas e pernas, além do implante de próteses nos glúteos. O silicone teve que ser retirado às pressas.

Em 2016, a médica Lia Pacheco Dias, na época com 32 anos, faleceu após um procedimento de lipoaspiração realizado pelo cirurgião. Ela era cunhada dele. Sara Nunes Melo, 50, por sua vez, ficou 13 dias internada na UTI, no mesmo ano, após a realização de seis procedimentos, entre eles a abdominoplastia. A paciente perdeu um dos mamilos. 
O Dr. Werner Feitosa, advogado de Camilla, Sara e de Ângela Pacheco, mãe de Lia, afirma que, além dos processos criminais e cíveis, realizou uma petição coletiva informando ao Ministério Público Estadual do risco iminente à sociedade a partir das atividades do cirurgião plástico. A partir do conhecimento da morte de Sandra, destaca o advogado, o inquérito policial pediu a prisão preventiva de Danilo.
Segundo a agência Estadão Conteúdo, o Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp) instaurou sindicância contra Danilo pela morte de Sandra.
A reportagem tentou contato com o médico Danilo Dias, mas na clínica onde ele atende em Fortaleza foi informado que o profissional está em viagem ao exterior.

Fonte: Diário do nordeste

Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Tv Patativa do Assaré

OTONTOCLINICA

Gonverno do Estado

Clik na imágem acima e confira ou se preferir clik AQUI

Redes Sociais

. Twitter Google Plus Email Twitter Facebook Instagram email Email

Rádio Patativa FM 105,9

Curta Nossa Página no Facebook

Juliane Leão

Juliane Leão,

Farmacêutica Esteta e cosmetóloga.

Atendimentos mensais na cidade de Assaré.

Endereço:

Avenida Perimetral, 126. (mesma clínica que Dr. Wagner Atende).

Contato: 88 9 9600 3294

Alconil Natural

Stop Fumo

Tanatopraxia

Vivo Pré

Encosta da Serra

Arena I9 Assaré-CE

Inove Eventos

Produtos Nativus

Distribuidora Roque

Afagu

Ópcas Afagu

Burger KING

Samuel Rulin

Odonto Clinica

Karirí da Sorte Cap

Madral Madeira e Material de Construções

Loja Barateira

Rejuntamix 100% de Qualidade

Seguro Previdência Créditos

Caixa Aqui Data Contábel

LPC NET

Total de visualizações do Site

Arquivos do Site