Clique na Imagem e Ouça a Patativa FM 105,9 Ao Vivo

Pages

sábado, 6 de junho de 2020

Estados do Nordeste vão ao STF e pedem volta de recursos do Bolsa Família

Procuradores-gerais dos estados do Ceará, Alagoas, Bahia, Maranhão, Paraiba, Pernambuco, Piauí e Rio Grande do Norte, acionaram o Supremo Tribunal Federal (STF) para que o governo Jair Bolsonaro suspenda o corte de R$ 83,9 milhões do programa Bolsa Família.

Uma portaria do Ministério da Economia transfere a verba para a comunicação institucional da Presidência da República.

No pedido ao Supremo, os procuradores pedem que o governo federal justifique a concentração de cortes no programa na região Nordeste e recomponha o valor retirado para ser usado pela publicidade do governo.
Considerando que os beneficiários recebem, normalmente, pouco menos de R$ 200 reais, o valor de R$ 83,9 milhões, segundo técnicos do governo, seria suficiente para atender cerca de 70 mil famílias.

Em sua live semanal, o presidente Jair Bolsonaro chamou a reportagem da Folha de São Paulo, que divulgou a informação, de mentirosa e atacou o jornal.

“Está lá uma manchete interna deles, a primeira matéria, dizendo que eu tirei dinheiro do Bolsa Família para dar para a propaganda oficial. Olha, eu estou anunciando onde, ô, Folha de S.Paulo? Estou anunciando onde? Nós estamos gastando aproximadamente em torno de 10% do que gastavam governos anteriores”, afirmou o presidente em sua live.

Bolsonaro admitiu que há fila de espera no Bolsa Família, mas ponderou que estas pessoas estão recebendo os R$ 600 do auxílio emergencial por causa do coronavírus.

“Quando é que vocês vão aprender… Não vão aprender, vou cansar de falar aqui, a ter vergonha na cara? Fazer uma matéria decente? Vocês podem até falar ‘tem tantos na fila, mas foram contemplados com auxílio emergencial de R$ 600’.”

Fonte CN7
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Redes Sociais

. Twitter Google Plus Email Twitter Facebook Instagram email Email

Notícias em Aúdio

Linck 2 para a Sua Emissora

Gonverno do Estado

Clique acima e confira ou se preferir clique AQUI

Posto Pague Menos

Dra Jennifer Cabral

Cartório Belisário Melo

Curta Nossa Página no Facebook

As Mais lidas do site

Total de visualizações do Site

Arquivos do Site