Clique na Imagem e Ouça a Patativa FM 105,9 Ao Vivo

Pages

quinta-feira, 21 de junho de 2018

General Theophilo cogita colocar militares na administração de escolas públicas

mercado de trabalho dos alunos das escolas de técnicas do Estado. Perguntado por um seguidor durante a conversa sobre a ampliação no número de colégios militares no Ceará, 

O general da reserva considera “difícil” que isso aconteça, mas cogita colocar militares na administração de escolas, pois, de acordo com o pré-candidato, haveria maior disciplina, respeito, valorização dos pais, disciplina, religião (seja ela qual for, mas tenha que ter uma religião, pontuou), assim como em escolas militares como da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar.

Sobre o eixo saúde, Theophilo pensa que é “tão importante quanto a segurança“. “Após visitar alguns hospitais estaduais notamos que há uma falta de cuidado muito grande com os internados, os corredores estão plenos de gente”, disse.  No eixo economia, Theophilo disse que, atualmente, o Estado cobra mais do que oferece em retorno ao cidadão.

O eixo segurança foi classificado como “fundamental“. Wagner interpôs a situação de profissionais da segurança que, de acordo com o deputado, não seriam valorizados, o que o tucano respondeu afirmando que a categoria mecere ser melhor remunerada “para ter uma tropa motivada”. O General afirma que a segurança pública em um eventual governo seria baseada em três perspectivas de investimentos: inteligênciatecnologia fiscalização das fronteiras estaduais.

O quarto eixo será o de criação de empregos, para o qual o general da reserva propôs uma maior atenção ao Interior, com promoção de projetos de segurança hídrica fomentando a agricultura e indústrias nessas cidades como forma de “fixar o nosso povo no interior do Estado”.
Presídios

Falando sobre a situção nos presídios cearenses, o pré-candidato da oposição criticou a situação de algumas casas de custódia que, segundo ele, estão desativadas. Theophilo continuou, destacando a situação de presos que ficam ociosos durante o período em que cumprem pena e a falta de boas condições de trabalho para os agentes penitenciários que trabalham para o Estado.

Fonte: O Povo
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Redes Sociais

. Twitter Google Plus Email Twitter Facebook Instagram email Email

Notícias em Aúdio

Gonverno do Estado

Clique acima e confira ou se preferir clique AQUI

Mob Telecom

Mob Telecom O dom de conectar: 0800-020-9000

Curta Nossa Página no Facebook

O Barateiro da Cidade

Distribuidora Roque

Nova Assaré Loteamento

Farmácia Menor Preço

Vivo em qualquer lugar use vivo

Inove Eventos

Produtos Nativus

Afagu

Ópcas Afagu

Burger KING

Samuel Rulin

Odonto Clinica

Karirí da Sorte Cap

Loja Barateira

Rejuntamix 100% de Qualidade

Seguro Previdência Créditos

Caixa Aqui Data Contábel

LPC NET

Total de visualizações do Site